Resgatados, macacos, araras e até gaviões são colocados à adoção

October 19, 2015

 

Três macacos pregos, três papagaios, três araras, três aves jandaias, oito gaviões-carijós, um gavião asa-de-telha e duas corujas-buraqueiras, apreendidos e resgatados pelos órgãos ambientais, foram colocados à adoção.

 

Esses 23 animais vivem no Batalhão Ambiental da Polícia Militar, em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá, onde passaram por tratamento veterinário.

Eles não podem mais voltar à floresta por terem sido diagnosticados com alguma deficiência física ou estão dóceis demais. Conforme a Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Sema), 54 animais já foram adotados neste ano, sendo que a maioria deles foi vítima de atropelamento em estradas.

 

Ao todo, 60 animais encontram-se no Batalhão Ambiental. Ainda de acordo com a Sema, a Resolução n° 457/2013 do Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama) prevê a guarda provisória de animais silvestres apreendidos ou resgatados pelos órgãos ambientais e também aqueles oriundos de entrega espontânea.

 

Qualquer pessoa pode solicitar a guarda desses animais, desde que não esteja cumprindo pena de restrição de direitos relacionados a crimes ambientais.

 

A guarda deve ser solicitada na Sema, que fica no Centro Político Administrativo, em Cuiabá. Lá, deve preencher um formulário da coordenação de Fauna e apresentar uma cópia autenticada dos documentos pessoais (RG e CPF), do comprovante de endereço e declaração de renda.

 

Então, os técnicos da secretaria fazem a análise do perfil e retomam o contato para as próximas orientações. Para cada animal solicitado, é preciso a construção ou adequação de um espaço diferenciado. A guarda tem a durabilidade de dois anos, podendo ser renovada.

 

Fonte: G1

Please reload

Featured Posts

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Recent Posts
Please reload

Archive
Please reload

Search By Tags